quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Como preparar o filho mais velho para a chegada do caçula?

Ate o cha de bebe do Lucas, nesse ultimo domingo, estava ate tranquila com a reação da Manu quanto a ganhar um irmãozinho. Ela estava curtindo td..o quartinho, as roupinhas, dizia para as pessoas que ela que escolheu o nome e por ai vai...ate acreditava que ela não estava sentindo tanto pelo fato de ser um menino, ou seja, ela continuaria sendo a princesa da casa.

Isso ate o cha do Lucas. Antes do cha eu contei para ela o que era a festinha que o Lucas ia ter, mostrei as fotos do cha dela, disse que ela tb teve uma festinha assim..tudo para ela nao sentir que estava perdendo alguma coisa e ficasse bem. Mas não ficou.

No meio do cha ela teve o primeiro surto. Não queria brincar com as crianças, so queria meu colo, não podia conversar com ninguém que ela exigia atenção exclusiva. Passado um tempo, ela voltou ao normal. Dai depois do cha, quando fui abrir os presentes, outro surto. No meio dos presentes que o Lucas ganhou, eu coloquei alguns presentinhos para ela. Mas não foi o suficiente. Ela chorou pq so ganhou 3 presentes e o Lucas um monte. Que ela queria mais presentes. O choro e a frustração dela foi tao grande que ela ate adormeceu. Td bem, já vi que muito desse surto foi em virtude do cansaco, mas mesmo assim, isso acendeu uma luz de alerta na minha cabeça.

Claro, não tenho a ilusão de que ela vai passar imune com a chegada do irmão. Não, de jeito nenhum. Sei que vai rolar ciúmes e td o mais. Entao conversando com algumas amigas, peguei algumas dicas de como prepara-la para a chegada do irmão. Eis o que me disseram:

1. Faca a se sentir importante. Ou seja, diga que ela sera sua ajudante oficial e isso eh uma função muito importante. Que ela vai te ajudar a trocar, dar banho, escolher a roupinha, pentear o cabelo, etc. Mas não basta dizer. No dia a dia tem que deixa-la exercer essa função mesmo.

2. Diga quão legal eh ser irmão mais velho. Afinal, ela já sabe tanta coisa e ela eh quem vai ensinar o irmão a andar de bici, nadar, brincar de massinha, etc etc

3. Compre um presente e faca o irmão dar a ela quando ele nascer.

4. Instrua os parentes mais próximos a trazerem uma lembrancinha, inha mesmo, para ela tb qdo forem visitar o irmão na maternidade, assim o mais velho não sente que está perdendo a atenção e o carinho das pessoas.

5. Mostre que mesmo com a chegada do irmão, vc vai sempre ama-la..e que o colo da mae sempre estará disponível, eh so ela pedir...claro, explicando que o irmão ainda sera muito pequenino e vai ficar bastante tempo no colo, mas se ela quiser colo tb, no colo da mamãe sempre cabe mais um.

6. Qdo o irmão nascer, reserve sempre algumas horas do dia ou da semana para fazer algo so com o filho mais velho, nem que seja ir a pe ate a padaria tomar um sorvete. Mas tem que ser um programa so seu com ele, sem irmãozinho junto.

Também me indicaram o livro "La em casa tem um bebe" - de Guto Lins. Não comprei ainda, mas pretendo.

Se vc tem mais alguma dica, compartilhe comigo.

4 comentários:

Cantinho da Fabi disse...

Imagino o desafio Rê mas vc dará conta amiga ... tem amor para os dois né? Com amor tudo se resolve. Beijos

disse...

Rê, só tenho 1 conselho: paciência! Mas muita, muita mesmo. Essas dicas aí nem sei se adiantam para alguma coisa.

Aqui ja notei que qnto mais cansada estou, qnto mais a Rebeca tenha dado trabalho, mais a Rafaela sente e mais dá xilique.

Tenha fé que isso passa ;)

Dani disse...

Eu sempre falo aqui em casa que eu tenho dois colos, duas pernas, duas mãos... uma pra cada um. Costuma funcionar (não faço a menor idéia o que fazem as mães de três).
O que funcionou aqui em casa foi, desde o começo, oferecer pra amamentar o mais velho também, explicando que quando ele era pequenininho ele mamava na mamãe. Peguei o bichinho maior, pus no colo... e ele desistiu, disse eca! e pronto. Depois disso não mais se abalou com as freqüentes mamadas no caçula.
No começo é complicado, mas com o tempo vão ser os melhores amigos.
E paciência nunca é demais!

Casamento feliz disse...

Bom fds para vc Rê . Beijos