segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Preocupação x maternidade

Sabe aquele dizer de que culpa e maternidade andam juntos? Pois bem, eu vou além, acho que mais que culpa, diria que preocupação e maternidade caminham coladas, praticamente irmãs siamesas. Êh serio, vou fazer a pergunta: desde que vc virou, quantos dias você passou sem se preocupar com seu filho? Aposto que não completa uma mão inteira.

Primeiro a gente se preocupa se esta respirando, ganhando peso, mamando direito, se o coco êh verde, amarelo, marrom, se chorou assim, assado e por aí vai...são dias e dias de preocupação. Dai, a medida que vc vai pegando mais confiança, vc até pensa, pronto, agora posso relaxar...há, que nada...as preocupações mudam.

Não tem um dia sequer que eu não me preocupo com a manu...quer alguns exemplos? Me preocupo se ela esta bem na escola, se esta passando frio a noite, se fez coco no dia, se a sua limitada fala esta melhorando ou continua travada, se ainda tenho alguma vacina pra dar, se ela tosse, se ela cai, que escola escolher pra ela, como educa-lá, como fazê-la me respeitar, se esta gorda, magra, se precisa trocar fralda, e por aí vai.

Muitas são preocupações bobas, que não tomam nem 1 minuto do meu dia, outras são preocupações mais serias, que levam dias de meditação, alguns cabelos brancos e muitas conversa com marido. Ms não importa a intensidade nem a importância, são todas preocupações, e lá estão elas, diariamente, apitando na minha cabeca, me lembrando que eu tenho uma filhinha que ainda depende 100% de mim para ficar bem.

E êh por isso que eu digo, preocupação e maternidade caminham coladas...e escrevendo isso, lembro da minha mãe quando dizia: filho êh uma preocupação pra vida inteira. E hj eu vejo que ela tinha razão (antes eu achava que ela estava exagerando)...mais que a culpa, que vira e mexe vem dar uma sondada no ambiente, a preocupação nunca sai de cena, nunca da uma trégua, por mais desencanada que vc seja...se vc for um mínimo responsável, ela estará junto, nunca fazendo vc esquecer que êh mãe e tem um filho pra cuidar.

4 comentários:

Thiii** disse...

Nossa...Imagino..
Minha mãe sempre fala isso...
Ainda dizia....Filhos criados trabalhos dobrados...Aiai...
Mas não vejo a hora de ter toda esta preocupação...=)...
Beeeeijos querida
Adoro seu blog..

Cintya disse...

E é assim mesmo!
A culpa aparece de vez em quando mas a preocupação veio pra ficar, 24 horas por dia.
Bjos

Cláudia Leite disse...

Concordo em gênero e grau!
A gente fica com mil coisas na cabeça, é incrível!

disse...

Verdade verdadeira! E acho que acho que é pra vida toda mesmo... Eu sempre batia no peito pra falar que graças a Deus minha mãe não tinha preocupações comigo e me orgulhava de não levar problemas pra ela... Aí um dia ela me disse que vivia preocupada por eu não me abrir, que eu raramente contava meus problemas pra ela, rsrsrsrsrs...