quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Crise de Choro

Hoje eu tive a minha primeira, grande e incontrolável crise de choro. Já tinha escrito aqui sobre os sobes e desces sentimentais que estou tendo com a gravidez, minha eterna TPM e como fazer o marido entender isso e ter mais paciencia comigo.

Mas ele ainda nao entendeu muito bem e ontem, mais uma vez, ele ficou magoado comigo pq disse que eu estava dando patadas neles e, juro, nao identifiquei isso, mas so dele ter falado isso, ai eu fiquei uma arara mesmo, nao sei se ele esta tb muito sensivel ou se eu estou com tolerancia zero. Fui dormir magoada, insegura, sensivel.

Acordei hj chorando, um choro sem controle, nao conseguia parar de chorar...acho que acumulou td, os hormonios da gravidez, meu descontrole emocional (que confesso, esta me assustando muito), meu medo de ter depressao pos parto (sim, fui la longe), a falta de paciencia e compreensão dele, o natal que esta chegando e eu estou sentindo cada vez mais a falta da minha mãe, a vontade de ser paparicada...enfim, um turbilhão de emoçoes, de sentimentos e com isso tudo veio um caminhão de lagrimas.

O choro foi tão intenso que fez o marido sair da cama e me acudir, até me encorajou a por pra fora td que estava sentindo, td que estava me angustiando...e entao falei td, disse que nao estava me reconhecendo, disse que nao queria ficar magoando ele mas que estava fora do meu controle e que td que pedia para ele era ter paciencia e relevar, disse que queria muito a minha mae, queria muito um abraço dela, queria muito que ela me paparicasse, eu precisava ser paparicada, ser acolhida, ser compreendida...eu precisava de colo e eu nao estava tendo!

Melhorei depois disso? Not much, ainda vim pro trabalho chorando no carro (mais por saudades da minha mãe do que pela nossa discussão)...mas foi bom por pra fora, foi bom pro marido ver que eu estou sim sensivel, juntou gravidez + natal + luto da minha mae e eu me tornei uma bomba de emoçoes, e eu preciso dele junto comigo e não contra mim. Sorte que amanha tenho terapia, pois a sessão vai render, rs.

Agora estou mais tranquila, ainda sensivel, mas sem choro (até pq ficar chorando no trabalho nao rola, ne), daqui a pouco vou sair para fazer o US e ver como o serzinho está...tenho certeza que so de ve-lo vai me animar, vai me acalmar :-).

Eh bem com dizem: gravidez eh um periodo de grandes emoções!

3 comentários:

Casamento feliz disse...

Re amiga ... nós realmente estamos na mesma querida

me sinto exatamente assim e vc acredita que tb tenho medo de ter depressão pós parto sem estar gravida ??

Re , me passa o telefone da sua terapia , ano que vem quero fazer , mais tem que ser em um lugar acessível

a minha pscicologa estava cobrando muito caro !

Beijokas e vai ser bom vc ver o serzinho querida

Luiza Novaes disse...

Aaaaaah Re, imagino como deve ser para você... Gravidez é REALMENTE um periodo de MUITAS emoções, e só quem está é que sabe como é...
Estou SUPER anciosa para saber se o seu serzinho é INHO ou INHA!
Não deixe de nos contar ok?
Melhoras
Beijo Beijo

(Mamãe) ~Pinel disse...

E as emoções só estão começando!!! Mas, sabe, não se sinta diferente, porque é exatamente assim, principalmente na fase gestacional em que você se encontram.

Quem me viu com o Lucas nos primeiros meses nem acredita que a gente se dá tão bem, na verdade, quem não nos conhecia, devia pensar "coitada da criança, não dou dois anos para os pais se separarem".

Mas sabe, chorar ajuda sim, pode não melhorar 100%, mas ajuda um tanto! E ter o apoio do marido/namorado/familia mais ainda.
Eu demorei um pouco para ter esse apoio, e quem me apoiou, de verdade, foi esse mundinho virtual, e claro, as expectativas para a chegada da minha princesa!

Falando em expectativas, é hoje que vamos saber se é ELE ou ELA, né????
hmm... conta logo hein?

Beijo!
E melhoras nas emoções!