terça-feira, 22 de janeiro de 2013

De volta às aulas

Semana passada Manu voltou pra escola. Começou o curso de férias. Aulas mesmo so começam dia 04.


Muitos acompanharam todo o estresse que foi com a Manu no ano passado para se adaptar a escola depois de termos ficado 15 dias viajando. Foi mais de um mês de muito choro, muito desespero dela e meu. Ate que no fim do ano letivo ela já não chorava mais, so pra entrar dava aquela choradinha e pronto.

Também relatei minha busca por uma nova escola para ela ir esse ano. Visitei umas 10. E no final das contas, acabei desencanando e decidi deixa-la nessa mesma escola que ela já vai desde o berçário, mesmo ainda achando a escola muito pequena e limitada em atividades.

Entao que as aulas voltaram. Passei o final de semana tensa, so esperando como seria a receptividade da Manu na volta as aulas. E sobrevivemos. Manu não abriu berreiro nenhum. Continua choramingando pra entrar, uns dias mais outros bem menos, mas passa o dia bem. O que pra mim, que estava esperando o mesmo drama do ano passado, foi um alivio.

Mas quem não esta bem, sou eu! Isso mesmo! Voltei a me questionar se eu fiz a escolha certa em mante-la nessa mesma escolinha. Explico. Depois de visitar outras escolas, percebi que de todas, a que ela esta eh a mais simplesinha, a menorzinha, a mais limitada. Mas que diabos, então por que eu voltei atrás?

Porque eu soube que a professora da Manu esse ano seria a Daia, uma fofa que foi sua professora do berçário. E isso mexeu comigo, mexeu pelo carinho e atenção que eu sei que a Daia tem pela Manu.

Ah, então por que a duvida agora? Porque agora, no curso de férias, com calma, estou conseguindo observar melhor a escola e, juro, essa questão de espaço e de atividades esta realmente pegando.Manu  esta super serelepe, escalando, correndo...e ai, pergunto se ela não sentira falta de uma área maior para correr, brincar, de um parquinho para escalar.

Ai juro, to perdida. Fico me perguntando se eu não estou me pegando em detalhes ao invés de me ater ao que eh mais importante: ela eh bem cuidada, mimada, já conhece os amiguinhos, já se sente a vontade la (mesmo choramingando pra entrar)...

Conversei com o marido e ele me disse para relaxar, afinal ela so fica no maximo 5 horas na escola, e no tempo que ela fica comigo, eu a levo todos os dias no parquinho e na pracinha para correr e brincar, ou seja, segundo ele Manu esta tendo acesso a muito espaço e atividades, independente se sejam na escola ou fora dela.
Será que ele tem razao e eu que estou me estressando a toa?? Perdida, perdida, perdida.

7 comentários:

Janinha disse...

Xi Re, não tenho filhos e não sou especialista, mas concordo com seu marido. Ela fica lá "poucas" horas, de repente ela nem sente falta de espaço, ela tá aproveitando todo o espaço que tem e isso é bom. Quem sabe num local de muito espaço ela ficasse perdida ou sem atenção... sei lá, se vc complementa essas horas com bons passeios no parquinho acho que ela tá bem na escolinha. Mas só acho... kkkk.
Bjocas.

Tatiane Rosa Domingues disse...

Acho que você fez a melhor escolha. Acho que o carinho e adaptação são mais importantes que o espaço. Beijo, bom ano para nós

Casamento feliz disse...

Concordo com seu marido , acho que conforme ela for crescendo vale a pena mudar de escola , ela ainda é pequena , acho que está suficiente essas atividades que vc fala e esse espaço , por enquanto vale mais vc ter segurança de que ela está sendo bem cuidada , quando ela falar bastante , souber se defender melhor acho que vale mais a pena a tentativa . Beijos Rê

Andrea Fregnani disse...

Oi,Renata,
Minha opinião: Se ela ficasse o dia todo na escola acredito que o espaço e mais atividades seriam super importantes mesmo, Mas como vc disse que são só 5 horas e vc se dedica em levar a Manu para parques está tranquilo.
Alice vai para uma escolinha pequena tb, e uma coisa que não me agradou muito foi o espaço para brincar, mas ela só vai a tarde tb, e vai continuar indo pro parquinho de manhã, então minha escolha se baseou na atmsofera amigável da escola, vamos ver se vai dar certo e te conto,
bjs

Dani Carnavale disse...

Oi Renata,

Não sei se você chegou a ler o comentário que fiz há tempos atrás sobre a escola da Manu. Caso você não tenha lido, segue ele abaixo.

Sempre leio o seu blog e nunca comentei nele. Porém li alguma vez que você mora no Brooklin e como morei neste bairro na época em que morei em Sampa. Acredito que a Manu estuda na escola onde minha Isabela estudou e posso te garantir que a Daia é uma excelente professora. É um doce de pessoa. Eu amei aquela escola!!! Começando pela Lucia, diretora, a todas as professoras que cuidaram da minha filha lá.

A Isabela hoje tem 9 anos, estudou lá durante os dois anos que moramos aí, mas acredite até hoje ela fala da escola do "balão". Balão era o desenho do emblema da escola. O nome da escola por questão de privacidade acho melhor não divulgar, né?

Se a escola que eu tô pensando é esta..fique tranquila eu sou muito agradecida à escola por todo o carinho que tiveram comigo e com a minha filha.

Beijos e desculpe o testamento Dani

Mariana disse...

Re, eu concordo com seu marido.
O principal são os cuidados, amor e carinho!
Espaço pra correr você arruma de outras formas e em outros lugares...
Até porque na escola, ela não fica o dia todo no parque brincando, são várias atividades... o espaço é o que menos importa.
bjs
Mari - mae da Rafa e tbm dona de escola rs

Maria Heloisa disse...

Maridex está com razão,
o espaço é de menos o que mais importa é o amor e cuidado.

beijinhOos ♥

http://www.anjodmv.com/