segunda-feira, 26 de maio de 2014

Companheirinha

Lembro muito bem que quando a minha mãe adoeceu e eu fiquei seus 3 ultimos meses de vida ao seu lado, cuidando dela, lembro de ter pedido a Deus que se um dia eu engravidasse, que ele me enviasse uma menininha, para que eu tb tivesse uma companheira ao meu lado, assim como eu estava sendo com a minha mãe.

E Deus me atendeu.

Semana passada eu tive a prova de como a Manu é e sera muito minha companheira, assim como eu e minha mae fomos uma para a outra.

Pela primeira vez, depois que minha mae faleceu, eu tomei coragem para assistir ao video do meu casamento, pois queria mostra-lo para a Manu, queria que ela visse a mamae de princesa. Logico que ao ver minha mae no video, eu comecei a chorar. E foi ai que minha companheirinha entrou em ação.

Ao me ver chorar ela disse: Não chora mamae, eu estou aqui. Voce quer abracar meu gato? (gato dela de FOM). E na sequencia me deu um abraço bem forte, e assim ficamos, abraçadas, assistindo ao filme do meu casamento.

2 comentários:

Si, mãe da Isabela disse...

As menis tem mesmo um sensibilidade tremenda ... estes dias eu em um ataque de hormônios disse "eu estou sozinha" e ela que eu nem pensei que estava prestando atenção correu puxou meu rosto e disse ... mãe não fica com medo vc não esta sozinha eu estou com vc para sempre" claro que chorei muito ....

sinta-se privilegiada com a sua companheirinha pq isso é prova do vinculo de amor entre vcs ....

saudades daqui

bjo

Cláudia Leite disse...

Ô meu Deus, emocionei!!!
Nossos filhos são elo para vida toda mesmo...


bjo!